Você está aqui Mundo Educação Sociologia Agregados sociais

Agregados sociais

Os agregados sociais são as formas pelas quais os indivíduos se reúnem em função de um objetivo ou vontade comuns.

Agregados sociais
Os protestos de Hong Kong, em 2014, reuniram uma multidão nas ruas pedindo pela democracia *

A noção de agregados sociais trata das formas de reunião de indivíduos em grupos frouxamente aglomerados. Seu intuito, tamanho e forma de interação se diferenciam dependendo da forma que reagem aos estímulos que se expõem, possibilidade de intervir diretamente em seu objeto de interesse e o objetivo pelo qual os sujeitos se integram a este conjunto de pessoas. São espontâneos em sua maioria e podem possuir uma ou varias motivações. As três formas que os agregados sociais podem tomar são a multidão, a massa e o público. Estas três possuem características distintas, mas podem ser comuns nos meios pelos quais se formam.

Tratemos primeiro da multidão, que se caracteriza por um grupo de indivíduos que possuem um motivo comum entre si e se encontram em um mesmo espaço físico. Uma multidão pode se formar espontaneamente, sem necessidade de comunicação prévia dos sujeitos, e não possui necessariamente uma liderança ou uma hierarquia definida. Não há organização ou normas preestabelecidas, o indivíduo conta apenas com o próprio julgamento na mediação de suas ações. Os indivíduos são anônimos, pois seu nome e posição social não são levados em conta em sua integração à multidão e, por isso, são indiferentes, não sendo possível manifestar diferenças individuais de cada sujeito. Podemos tomar como exemplo de uma multidão os agrupamentos de pessoas nos protestos políticos que vivenciamos nos últimos anos.

Os espectadores de um programa estão agregados em seu consumo da mensagem transmitida pela mídia que assistem
Os espectadores de um programa estão agregados em seu consumo da mensagem transmitida pela mídia que assistem

O conceito de massa pode ser um pouco mais complexo em definição por se tratar de um agrupamento “virtual” de indivíduos que, quando inseridos no corpo das massas, perdem suas características individuais. Nos referimos como um agrupamento “virtual”, pois não há contato físico ou interação direta entre os que integram a massa. Trata-se de uma aglutinação de anseios primários, básicos, de um grupo de sujeitos que não se conhecem e que não ocupam necessariamente a mesma realidade social. Os que integram a massa não interagem entre si e não possuem poder de crítica diante daquilo que os agregou, por tanto, são passivos em relação aquilo que lhes é imposto. Como um exemplo de massa temos os telespectadores de um programa de televisão que se colocam em uma situação semelhante, com anseios semelhantes e com o fim semelhante de consumir, de forma passiva, a mensagem passada pela mídia que assistem.

Os integrantes de um público podem expressar opiniões diversas e em conjunto, interagindo diretamente com sua fonte de estímulo
Os integrantes de um público podem expressar opiniões diversas e em conjunto, interagindo diretamente com sua fonte de estímulo

Quanto ao público, caracteriza-se por ser um agrupamento de pessoas sem uma forma especifica, que respondem a um mesmo estímulo de forma espontânea. Não ocupam necessariamente um mesmo espaço físico, podendo se formar em um espaço virtual como a internet, mas estão todos sujeitos à exposição aos mesmos estímulos e dispõem de alguma organização. A principal característica desse tipo de agregado social é a sua capacidade de interação entre os indivíduos que formam o público e a fonte do estímulo que originalmente os agregou. Por meio de vaias, aplausos e o compartilhamento de opiniões, o público interage com a peça teatral ou o show musical que assistem no momento.

*Créditos da imagem: Coloursinmylife / Shutterstock.com

Assuntos Relacionados



Deixe seu comentário para

Agregados sociais








0 comentários

Faça seu Login