Ureia
Produção de ureia que é utilizada em muitos setores da indústria, principalmente no setor agropecuário

A ureia é um composto orgânico, pertencente ao grupo funcional das amidas. Ela é, na verdade, uma diamida do ácido carbônico (possui dois grupos NH2 ligados a um radical acila). Por ser uma diamida, ela tem um caráter um pouco mais básico que as amidas comuns. Entenda isso através das fórmulas estruturais abaixo:

A ureia é uma diamida do ácido carbônico

Ela é um sólido branco, cristalino e solúvel em água. Seu nome químico, segundo as regras de nomenclatura da IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada), é diaminometanal.

Fórmulas químicas da ureia ou diaminometanal

A primeira vez que ela foi sintetizada, em 1828, por Friedrich Wöhler (1800-1882), foi considerado um marco na história da Química Orgânica. Isso porque, no início do século XIX, nasceu uma ideia errada, denominada Teoria da força vital. Segundo essa teoria, na natureza havia alguns compostos orgânicos que não podiam ser formados em laborátório, ou seja, não podiam ser formados sob a influência de forças físicas e químicas comuns. Mas seria necessária a intervenção de uma força vital particular que só existia dentro de seres vivos, animais e vegetais.

A ureia era considerada um composto assim, visto que ela é o produto final do metabolismo de proteínas na maioria dos animais vertebrados, sendo eliminada por meio da urina. Por exemplo, nos seres humanos ela corresponde à taxa de 2% a 5% em massa da composição da urina.

No entanto, Wöhler conseguiu preparar a ureia em seu laboratório, sem a intervenção de qualquer força vital. Ele fez isso por um processo conhecido hoje como síntese de Wöhler, que se trata somente do aquecimento do cianato de amônio, que é encontrado no reino mineral.

Síntese de Wöhler, primeiro método de obtenção da ureia

A partir daí, os cientistas passaram a produzir outros compostos orgânicos em laboratório. Hoje ela é produzida industrialmente a partir do CO2 e do NH3:

Reação de obtenção da ureia

Usos e aplicações da ureia:

produção de chuva artificial;
umectante;
hidratante em cremes e pomadas cosméticas;
produção de fertilizantes agrícolas;
na alimentação do gado;
como estabilizador de explosivos; e,
na produção de resinas e medicamentos (sedativos, hipnóticos, etc.).

Uma das utilizações da ureia: suplemento na alimentação bovina
Uma das utilizações da ureia: suplemento na alimentação bovina.



Deixe seu comentário para

Ureia








1 comentários

Faça seu Login

  • sexta-feira | 14/06/2013 | nelson vieira...
    Usuário

    A ureia é uma substância química, que contém formol