Você está aqui Mundo Educação Gramática Estrutura e formação das palavras Estrutura das palavras

Uma palavra é formada por unidades mínimas que possuem significado. A essas chamamos de elementos mórficos ou morfemas.
A palavra menininhos, por exemplo, é formada por quatro morfemas: 

 Menin             inh               o                    s 
 Base do        indica o grau  indica o gênero   indica o número
significado         diminutivo      masculino                plural


Os morfemas que constituem as palavras são os seguintes: radical, desinência, vogal temática, afixos, vogais e consoantes de ligação.

Radical

O radical é a parte fundamental da palavra, esse contém seu sentido básico, é comum a um grupo de palavras do idioma.

Exemplos:
Pastel       pasteleiro        pastelaria


Desinência

Em Português, as desinências são de dois tipos:

- nominal: a desinência nominal indica o gênero (masculino/feminino) e o número (singular/plural) dos substantivos, adjetivos e alguns pronomes.
Exemplo: noss-os, mania-s, absurd-as.

- verbal: a desinência verbal indica a pessoa (1ª, 2ª e 3ª), o número (singular/plural), o tempo e o modo (indicativo...., presente...).
Exemplo: cant – radical 
                  á – vogal temática
                  sse – desinência que marca tempo imperfeito e modo subjuntivo
                  mos – desinência que marca 1ª pessoa, número plural.


Vogal temática

É a vogal que torna possível a ligação entre o radical e a desinência.
Observe o verbo cantar:

Cant: radical
A: vogal temática
R: desinência de infinitivo.

A junção do radical cant- com a desinência –r no português é impossível, é a vogal temática “a” que torna possível essa ligação.

- Vogais temáticas nominais: são –a, -e e –o, quando átonas finais, como em escola, dente, livro, essas vogais ligam as desinências indicadoras de plural, como escolas, dentes, livros. Os nomes terminados em vogais tônicas não apresentam vogal temática, como café, cipó, caju, saci.

- Vogais temáticas verbais: são –a, -e e –i, essas caracterizam três grupos de verbos denominados conjugações. Os verbos cuja vogal temática é –a pertencem à primeira conjugação; aqueles cuja vogal temática é –e pertencem à segunda conjugação e por fim aqueles que tem vogal temática –i pertencem à terceira conjugação.

Primeira conjugação               Segunda conjugação             Terceira conjugação
Am-a-va                                          beb-e-ssem                            fug-i-rem
Atac-a-va                                        estabelec-e-sse                     imped-i-sse


Afixos

São morfemas que se colocam antes ou depois do radical alterando sua significação básica. São divididos em:

- Prefixos: antepostos ao radical.
Exemplo: impossível, desleal.

- Sufixos: pospostos ao radical.
Exemplo: lealdade, felizmente.


Vogais ou consoantes de ligação

As vogais ou consoantes de ligação ocorrem eventualmente entre um morfema e outro por motivos eufônicos, facilitando ou até possibilitando a leitura de uma palavra.
Exemplos: paulada, cafeteira, gasômetro.

Assuntos Relacionados



Deixe seu comentário para

Estrutura das palavras








12 comentários

Faça seu Login

  • quinta-feira | 27/09/2012 | claucia
    Usuário

    Gostei para estudar para prova

  • terça-feira | 17/04/2012 | dionara
    Usuário

    muitoo massaa ameii uhuuu valeuu pela ajuda ae amooo vcss s2s2s2

  • quarta-feira | 21/03/2012 | quarta-feira
    Usuário

    adorei precisava mesmo para estudar para a prova de português amei amei amei !

  • quarta-feira | 02/11/2011 | Alisson™
    Usuário

    kra esse site regassa tamo junto amo vcs ''um salve GRANDE salve aeh para o criador do site (putzz)tirei 9,5 ìmpossi vel S2