Transporte por dutos
Transporte de líquidos e gases por meio de tubulações.

O transporte por dutos e tubulações é um tipo de transporte pelo qual o produto, geralmente líquido ou gasoso, desloca de um determino local para outro por meio de tubulações. A infra-estrutura desse sistema é fixa, pode ser instalada sobre o solo, no subsolo e submarina.
Os primeiros oleodutos surgiram nos Estados Unidos, por volta de 1885, o incremento dessa tecnologia intensificou-se a partir do século XX. Esse meio de transporte tem se propagado, pois nesse sistema permite-se conduzir produtos a enormes distâncias. Em muitos casos o que acontece é o transporte de produtos que saem de uma área produtora em direção a outra área consumidora ou exportadora (como os portos).

Os produtos mais transportados nesse seguimento são: minérios, petróleo e gás natural. A implantação do transporte em questão apresenta duas vertentes, sendo uma positiva e outra negativa.
A positiva é que o valor investido na construção de dutos e tubulações tem rápido retorno em relação ao capital investido, por meio da economia gerada por esse tipo de transporte, além de causar poucos impactos ambientais. A negativa é em razão do alto valor da implantação dos sistemas de tubulações e dutos.
Os dutos são confeccionados com tubos metálicos de 76 cm de diâmetro, para o deslocamento dos produtos são necessárias bombas, uma instalada no local de partida e outra no meio do percurso (caso a distância seja longa).

Em suma, verifica-se que o transporte em destaque pode fazer frente a meios tradicionais, como rodoviário e hidroviário. Uma particularidade desse tipo de transporte em relação aos demais (hidroviário, ferroviário, rodoviário e aéreo) é que não ocorre o deslocamento de pessoas, apenas de produtos.

Assuntos Relacionados



Deixe seu comentário para

Transporte por dutos








0 comentários

Faça seu Login