Você está aqui Mundo Educação Geografia Geografia humana do Brasil Atividade agropecuária na região Norte

Atividade agropecuária na região Norte

Atividade agropecuária na região Norte
Grande parte da floresta desmatada é usada pela atividade agropecuária na região Norte.
A economia da região Norte do Brasil é constituída basicamente por atividades ligadas ao setor primário, destaque para o extrativismo (vegetal, animal e mineral) e agropecuária.

A região é considerada uma fronteira agrícola do Brasil, nela são produzidos desde produtos tradicionais, como mandioca, milho e arroz, até de exportação, como a soja, que tem sido uma cultura bastante difundida na região e ao mesmo tempo a que mais provoca desmatamento da floresta Amazônica, sem contar que áreas cobertas por soja tendem a provocar a diminuição dos índices pluviométricos em cerca de 15%. As pastagens provocam uma redução inferior, aproximadamente 3,9%. Talvez pareça pouco, mas é preocupante, pois a expansão agropecuária ocorre de forma geométrica, se a ocupação para essa atividade continuar nesse ritmo, em pouco tempo o clima característico da região (quente e úmido) se alterará, comprometendo todo o ecossistema.

Nessa porção do Brasil são cultivados produtos tradicionais, como a juta e a pimenta-do-reino, introduzidos na região por imigrantes, sobretudo, japoneses. Porém, o cultivo atualmente é desenvolvido por descentes. O Estado do Pará é o maior produtor da região e do país, respondendo por 80% ou 27 toneladas ao ano. As plantações se encontram concentradas em áreas periféricas de Belém. Já a produção da juta, planta da qual se obtém fibras, tem como maior produtor o Estado do Amazonas.

O cultivo de produtos alimentícios ocorre, especialmente, em propriedades rurais de pequeno porte, nas quais são desenvolvidas plantações por meio de mão-de-obra familiar e aplicação de técnicas rudimentares, fatores que resultam em uma baixa produtividade. Dentre os produtos estão a mandioca, arroz, feijão e milho, esses produtos têm como destino o abastecimento da família do produtor e a comercialização no mercado local. Em geral, os índices de produtividade da agricultura nortista são baixos se comparados a outras regiões do país.

A atividade pecuária também tem crescido na região Norte, modificando a paisagem de forma significativa, pois a vegetação da floresta Amazônica é substituída pela pastagem. Geralmente essa atividade rural é desenvolvida de maneira tradicional ou extensiva, os animais são criados soltos, sem receber maiores cuidados, resultando em baixa produtividade. As principais criações são de bovinos e bubalinos, desses a região possui o maior rebanho do Brasil.

A produção agropecuária na região Norte gera uma grande preocupação ambiental, pelo fato de abrigar a maior floresta equatorial do mundo. É bom lembrar também que o solo amazônico é pobre em nutrientes, desse modo, se retirada a cobertura vegetal a área se transforma praticamente em um deserto.

Assuntos Relacionados



Deixe seu comentário para

Atividade agropecuária na região Norte








30 comentários

Faça seu Login

  • segunda-feira | 28/07/2014 | diogo
    Usuário

    esse trabalho é muito bom.. tirei 100% uhuuuuu...

  • segunda-feira | 29/10/2012 | Karine Rodrigues
    Usuário

    MUITO OBRIGADO VCS MI AJUDARAÕ MUITO MINHA NOTA FOI 100% VCS E D

  • sexta-feira | 26/10/2012 | Ana Luiza
    Usuário

    Eu Adorei mim ajudou muito

  • terça-feira | 25/09/2012 | tali
    Usuário

    e ajudou muito obrigada pareben minha pof acho q vai ama meu trabalho graças a vc