Você está aqui Mundo Educação Física Magnetismo Luz visível
Luz visível
Faixa do espectro visível

Sabemos que todas as ondas eletromagnéticas se propagam no vácuo com a velocidade da luz. As ondas eletromagnéticas transportam momento e energia para longe de uma fonte. É importante lembrar que as ondas eletromagnéticas se diferenciam pela sua frequência e comprimento de ondas, e a interação dessas ondas com a matéria depende da frequência da onda e da estrutura atômico-molecular da matéria.

A forma mais simples das ondas eletromagnéticas corresponde ao espectro eletromagnético que o nosso olho consegue enxergar. A luz é produzida por corpos que estão com alta temperatura (como o filamento de uma lâmpada) e pela reorganização dos elétrons em átomos e moléculas.

Os comprimentos de onda da luz visível são classificados segundo a cor, do violeta, que tem comprimento de onda λ = 4 . 10-7 m, ao vermelho, cujo comprimento de onda é λ = 7 . 10-7 m. Portanto, a sensibilidade dos olhos é uma função do comprimento de onda e é máxima para um comprimento de onda λ = 5,5 . 10-7 m (amarelo-verde). A visão é o resultado dos sinais transmitidos ao cérebro por dois elementos presentes na retina: os cones e os bastonetes.

Os cones são elementos que se ativam quando há presença de luz de forma intensa (como a do dia); e são sensíveis à cor. Já os bastonetes são elementos capazes de atuar com iluminação menos intensa (como, por exemplo, em uma sala escurecida); e são menos sensíveis à cor.

A luz é tão importante que originou o desenvolvimento de um ramo especial da Física aplicada: a Óptica. Esta ciência estuda os fenômenos relacionados à luz e à visão, incluindo também o desenho dos instrumentos ópticos.

Assuntos Relacionados



Deixe seu comentário para

Luz visível








2 comentários

Faça seu Login

  • quarta-feira | 27/03/2013 | valdecir franke
    Usuário

    muito importante para pesquizas de super informacoes gosteiiiiiiiii

  • quinta-feira | 27/09/2012 | suellen
    Usuário

    esse texto me ajudou muito no meu trabalho